domingo, 13 de junho de 2010

"Não toqueis nos meus ungidos!" ou "Não é assim entre vós"?

6



Lembro-me quando pela primeira vez entrei em uma comunidade neopentecostal para freqüentá-la. O primeiro livro recomendado para ler foi: “Autoridade Espiritual” de Watchman Nee – Nee era um servo de Deus, mas exagerou em alguns pontos bíblicos. Ele chegou a dizer que se você desobedecesse ao líder espiritual é como desobedecer ao próprio Deus! - Isso coloca o líder em um pedestal que ele não está. Na ocasião, não suspeitei que estava sendo “doutrinado” como um soldadinho de chumbo. Achei que era certo obedecer ao líder religioso cegamente. Qualquer questionamento, mesmo bíblico, seria considerado rebeldia. Até para casar ou ir ao banheiro, você deveria prestar contas ao líder-Pastor, Discipulador, Bispo, Apóstolo e etc. Você ouvia a ameaça: “Se você não concorda com a visão a porta está aberta!” Como resultado desse ensino, o que observei acontecer foi o aparecimento de aberrações anti-bíblicas e extra-bíblicas:
• Cobertura espiritual (Nossa cobertura é Cristo);
• Infantilização das pessoas (A pessoa não é ela mesma);
• Clonagem e despersonalização (Todo mundo fala e veste igual ao líder);
• Autoritarismo (Arrogância, Tirania e Abuso espiritual);
• Mau uso e distorção bíblica (versículos fora de contexto sem considerar o todo);
• Aparecimento das figuras totêmicas (O líder sagrado e num pedestal);
• Por fim, muitas pessoas feridas e decepcionadas.
Toda autoridade legítima vem de Deus. Façamos a pergunta óbvia: “Como Deus usa Sua autoridade e poder?” ou melhor “Como o Deus feito carne – Jesus – usou sua autoridade?” “Como ele recomendou que nós fizéssemos? Como ele a exerceu? Encontramos Jesus fazendo abuso dela? Ele esmagou os discípulos? Afora uma repreensão ocasional e severa, ele os tratou com ternura, respeito e deixou que eles fossem eles mesmos sem violar a personalidade deles. Jesus até perguntou aos discípulos:”Mas vós, quem dizeis que eu sou?”(Mat.16:15).Qual o líder que tem coragem de perguntar aos subordinados:”Qual a opinião que vocês têm a meu respeito?”
Jesus demonstrou sua autoridade humildemente assumindo o papel de servo. “...Então, Jesus, chamando-os, disse: Sabeis que os governadores dos povos os dominam e que os maiorais exercem autoridade sobre eles. NÃO É ASSIM ENTRE VÓS; pelo contrário, quem quiser tornar-se grande entre vós, será esse o que vos sirva...”(Mateus.20:25-28.v.t.Romanos.13)
Paulo mostra em Gálatas.2:11-21 que a VERDADE desconsidera cargo, posição ou título na igreja de Cristo. Paulo confrontou Pedro na cara! Pedro estava agindo com hipocrisia e dissimulação para com a verdade do evangelho. Assim também nós, como bereianos, devemos confrontar todo desvio da verdade que ocorra no meio cristão, sendo biblicamente corretos, não politicamente corretos. Os líderes da igreja estão sob a autoridade de Jesus – o Supremo Pastor – e da Escritura. Sua autoridade delegada não deve jamais ser por coerção, domínio ou manipulação da verdade bíblica(I Pedro.5:1-4).

Por Ruben Jump.

6 comentários:

CID@ PIMENTEL disse...

Pois é , agora é nossa vez de irmos e pregarmos a verdade e ganhar essas almas que estão presas ainda na religião... não desanime AVANTE SOLDADO! Estamos juntos nesta jornada trabalhando para Deus!

Ruben Jump disse...

Sim Cida, somos subversivos de Jesus! Não quero saber de religião, mas de uma espiritualidade centrada em Jesus.

Lopeswork disse...

O bom para um abusador de autoridade é quando a ovelha fica sempre cega e dependente do escravisador mental. O pior são as ameaças do senhor de engenho, que se não for dessa ou daquela forma o escravo estará em débito ou falta com o próprio Deus.

Danilo Fernandes disse...

Otimo artigo mano. Vai para o Genizah 0 só vou mudar o titulo. PAZZ

Ruben Jump disse...

Obrigado Danilo!

Alex Martins disse...

Muito bom... Republiquei no meu site.... (agendado para amanhã de manhã)

www.Desejandodeus.com.br

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Seguidores

Li e gostei.

  • A ameaça Pagã - Peter Jones
  • A Cruz de Hitler - Erwin Lutzer
  • A Humilhação do Redentor - Heber Carlos de Campos
  • A providência - Heber Carlos de Campos
  • A Sedução do Cristianismo - Dave Hunt
  • A Serpente do Paraíso - Erwin Lutzer
  • A vitória final - Stanley M. Horton
  • Abuso Espiritual - Ken Blue
  • Andando atrás de anjo -Simonton Araújo
  • Armadilha em Gaza - Jorge Zaverucha
  • Batalha Espiritual - Caio Fábio
  • Caminho da libertação - Neil T. Anderson
  • Coloque o Diabo no seu devido lugar - Valtair Miranda
  • Confrontos de poder - David Powlison
  • Cristianismo Puro e Simples - C.S. Lewis
  • Cristão de Gaiola - Antônio Claudio
  • Desmistificando o dízimo - Paulo José F. de Oliveira
  • Dez Mentiras Sobre Deus - Erwin Luzter
  • Dias melhores virão - Max Lucaddo
  • Guerra Santa para a terra prometida - David Dolan
  • Hitler, o Quase-anticristo - Dave Hunt
  • Libertos Para Viver - Hal Lindsey
  • Maravilhosa Graça - Philip Yancey
  • Morte na panela - Hernandes Dias Lopes
  • Nosso destino - Stanley M. Horton
  • O Deus do Sexo - Peter Jones
  • O Enigma da Graça - Caio Fábio
  • O Evangelho da Prosperidade - Alan Pieratt
  • O mal que habita em mim - Kris Lundgaard
  • Restaurando o Ferido - John White e Ken Blue
  • Sem Barganhas com Deus - Caio Fábio
  • Tempos pós-modernos - Gene Edward Veith, Jr.

 
Design by ThemeShift | Bloggerized by Lasantha - Free Blogger Templates | Best Web Hosting